Tag: decoração apartamento pequeno

Tour pelo apartamento

No último domingo, o canal completou 20 mil inscritos e a comemoração começou em grande estilo! Fiz um tour pelo apartamento, mostrando de perto todos os cômodos. Desde o planejamento da reforma, nossa ideia era fazer uma decoração simples e prática aproveitando o máximo dos materiais deixados pela construtora. Afinal, nosso orçamento era baixo e não poderíamos fazer grandes alterações.

Aproveitamos o piso, o gesso do teto e boa parte dos revestimentos da cozinha e dos banheiros. Não tiramos nenhuma parede do lugar e a planta original foi mantida. A iluminação mudou bastante com a instalação de spots e pendentes. O resultado é uma decoração leve e com poucos elementos, do jeito que eu gosto! Ainda queremos mudar alguns cantos da casa, mas é aquela coisa: decoração nunca tem fim, né? ?:)

Separei algumas fotos e, no fim, deixo o tour pelo apartamento para vocês conferirem.

tour pelo apartamento

O sofá tem 1,90m de comprimento, e é um intermediário entre os de 2 e 3 lugares. Como a sala é pequena, mandei fazer o sofá do tamanho exato para não perder espaço. Um modelo convencional de três lugares não caberia nessa parede, e os de dois lugares que encontrei ficariam pequenos. Minha dica é fazer orçamentos em lojas de móveis que adaptem os modelos ao tamanho que você precisa.

A sala de jantar tem essa mesa da TokStok que eu adoro. A loja também vende o tampo de vidro, mas saiu bem mais barato mandar fazer em uma vidraçaria. As cadeiras são da Mobly, na cor fendi. Reparem que elas são mais baixas que as cadeiras de jantar tradicionais. Eu já me acostumei, mas pode fazer a diferença para quem está planejando a sala. Temos ainda dois banquinhos de madeira, em azul e amarelo. São da Tramontina e foram comprados na Etna. 

Beijos!

Sala de jantar organizada

Vocês viram o tour pela sala que eu gravei? Foi em julho e ela continua exatamente do mesmo jeito, ainda bem simples e com poucos móveis. Temos basicamente sofá, rack, mesa, cadeiras, e alguns poucos itens de decoração. Estou guardando várias fotos de inspiração porque quero fazer uma decoração legal na sala! Pretendo juntar o dinheiro para colocar um revestimento diferente em uma das paredes e comprar ou mandar fazer um buffet.

Já posicionei a mesa e o lustre de uma forma que sobrasse espaço para um móvel na parede da porta de entrada. Quero ter um buffet para guardar taças e louças de servir. Ele também vai ser o nosso bar e o cantinho da cafeteira. Vai ser especialmente útil como apoio para comidas e bebidas quando eu receber visitas. Em vez de servir tudo na mesa, que não é muito grande, eu posso dispôr as travessas no buffet e cada um se serve. Fazia isso na casa dos meus pais e facilita muito a vida! Se for uma noite de petiscos, posso usar todo o buffet como apoio para bebidas, copos e guardanapos. De todo jeito, é um móvel importante para a sala!

Penso em mandar fazer um modelo bem reto, sem puxadores, e que fique preso à parede (sem pés). Mas ainda estou na dúvida! Não fiz nenhum orçamento, quero definir o desenho antes de ir atrás disso. Juntei as imagens que estou guardando de referência com outras tiradas do perfil da Mobly no Pinterest. Gosto muito de seguir o perfil deles, sempre encontro boas ideias. E se você ainda não me acompanha no Pinterest, entra lá! Compartilho várias fotos lindas de decoração, receitas, festas e organização.

8fa35966c55e9fa105320f188e3ea50d

e5e8d9054db512d033dfbc6f415e482c 2ec6e337afe584604fb754b0d223e174 1cd31051a3adc5a6121778f4466f4ede

4df34498f6d2280654048496e96fff06

bece514674e28132d324c6b8e1e5b3fd

O preferido para a minha sala de jantar é o azul da penúltima foto. Ele é preso na parede e não tem pés, o que facilita muito a limpeza. Não precisa ficar arrastando na hora de passar vassoura e pano. Por outro lado, eu perderia um pouco de espaço porque ele é menor que os outros. Estou na maior dúvida, mas aviso vocês quando decidir 🙂

Beijos!

A história do apartamento

Hoje, com o apartamento mobiliado e organizado, nem parece que demorou tanto para chegarmos aqui. A história do meu apartamento começou em abril de 2012, quando eu tinha acabado de conhecer meu marido e ainda não tinha planos de casamento. Estava juntando dinheiro há um tempo e sonhava em morar sozinha, por isso estava de olho em apartamentos de um quarto.

Recebi a propaganda de um prédio novo no bairro onde eu queria morar e fui lá conhecer. O projeto era maravilhoso, mas o terreno ainda estava intacto. Nem fundação o prédio tinha. Comprei! Parecia que minha vida estava resolvida: em dois anos eu me mudaria e teria a tão sonhada vida “sozinha”. Bom, nada disso aconteceu.

Já reparei que não adianta fazer muitos planos para o futuro. A vida se desenrola de outro jeito, geralmente muito melhor do que o que estava nos meus sonhos. O assunto “casamento” começou a fazer parte das nossas conversas e um dia levei o então namorado para conhecer o prédio.

Ele, sempre muito comunicativo, começou a conversar com um pessoal da obra e descobriu que a construtora tinha uma condomínio com apartamentos maiores. Maiores e mais caros, claro. Morri de medo de assumir uma dívida maior ainda e, para completar, dividir a casa com ele! Fizemos as contas e vimos que seria impossível. Topamos mesmo assim.

Aí começou a espera. Primeiro pela festa de casamento, que veio um ano depois. Voltamos da lua-de-mel e nada do apartamento. PS: as prestações continuaram a vencer todo mês, mesmo sem a entrega das chaves.

Onze meses se passaram até que nós pudéssemos nos mudar, exatamente em 19 de março de 2016. Tenho certeza que essa espera teve um motivo, e um dia saberei qual foi. Enquanto isso, quero curtir a casinha e dividir tudo com vocês! Gravei a TAG Lar doce lar para contar um pouco mais sobre o apartamento, suas qualidades e defeitos.

Ah, vou colocar também a planta baixa do apê para dar uma ideia melhor!

apartamento

apartamento

Beijos!!

Como economizar na reforma

Quando começamos a planejar a obra do apartamento, decidimos fazer só pequenas alterações para adaptar os cômodos às nossas necessidades. Nada de trocar revestimentos nem tirar as paredes do lugar. A ideia era aproveitar ao máximo o que já estava na casa (afinal, pagamos por ela!) e economizar bastante.

Juntamos o dinheiro e fizemos um belo planejamento, o que nos ajudou muito a ficar na linha em relação aos gastos. Mas é claro que toda obra tem seus imprevistos e custos extras. Tivemos alguns contratempos, mas com um pouco de organização estamos conseguindo fazer tudo como planejado. Nessas semanas de reforma prestei atenção em algumas coisas que nos ajudaram a economizar e quero dividir essas dicas com vocês!

Gravei esse vídeo no apartamento ainda vazio, só com as luminárias instaladas. Espero que vocês gostem! 🙂 Confiram as minhas dicas para economizar na reforma:


Beijos!

Iluminação para apartamento pequeno

A etapa de iluminação da casa nova avançou muito esta semana e em poucos dias teremos lâmpadas e tomadas nos lugares certos! Estamos planejando o apartamento sem ajuda profissional, então cada fase tem sido um novo desafio. Quebrei a cabeça com a escolha da iluminação, mas acho que o resultado vai ficar ótimo :). Claro que o ideal é contratar um arquiteto ou designer de interiores para te orientar, mas nós tivemos que simplificar as coisas e reduzir custos.

De início, eu já sabia que usaria lâmpadas de LED na casa toda para economizar energia. Hoje em dia você encontra vários modelos de LED nas lojas, então não tem desculpa para continuar usando lâmpadas comuns. Pesquisei infinitos tipos, potências e tonalidades diferentes até chegar a uma conclusão!

O gesso do apê não é muito profundo, por isso ficamos um pouco limitados na hora de escolher as luminárias. Optei por spots com lâmpada dicróica e luminárias embutidas de LED. Vamos variar nas tonalidades de acordo com o cômodo. A luminária embutida é ótima para quem tem esse problema de gesso raso porque ela tem apenas 2cm de profundidade. E a própria luminária já é a lâmpada, não precisa de mais nada. Vou colocar uma foto para ilustrar melhor:

spot_de_embutir_led_quadrado_aco_branco_10w_110v_88432855_0001.jpg_600x600

Esses quadrados vão funcionar como iluminação principal na cozinha, banheiros e suíte. Vou complementar com spots comuns nos pontos que precisam só de uma iluminação mais leve ou decorativa. Compramos um modelo quadrado simples, mas as opções são infinitas! Tem redondo, cromado, duplo, triplo, e por aí vai. A casa vai seguir uma linha beeem relax e clean, então ficamos com um spot como esse da foto:

spot_de_embutir_quadrado_aco_branco_50w_110v_88598993_0001.jpg_600x600

Se você não tiver o problema do gesso raso, pode usar os modelos de spot com soquete de tamanho comum, que recebem lâmpadas de LED tipo “bolinha”, arredondadas na ponta. Pelo que pesquisei, o preço é bem melhor. Elas são assim:

lampada_led_bulbo_branca_7w_220v_89075000_0001.jpg_600x600

Teremos só duas ou três luminárias diferentes (tenho que decidir até sábado!). Comprei um pendente bronze LINDO para colocar de um lado da cama. Isso mesmo, só de um lado :). Penso em um resultado mais ou menos assim:

iluminação-para-apartamento-pequeno

Começo a espirrar só de pensar nessa cama colada no chão! hahahaha Fora isso, a decoração do quarto deve seguir uma linha parecida.

O segundo pendente vai na mesa de jantar, mas ainda não foi escolhido. O terceiro está totalmente em aberto, veremos! Semana que vem deve ficar tudo pronto e quero tirar várias fotos para postar aqui. Quero que essa obra acabe logo, torçam por mim 🙂

Beijos!